quarta-feira, 31 de maio de 2017

Voltou tudo ao mesmo

A redução de horário ainda não acabou e eu já não meto os pés no ginásio há dois meses. E já voltei a comer e a engordar. E já trabalho mais horas do que devia e durmo menos do que devia. E a agenda continua a encher-se de compromissos enquanto eu tento esticar as 24 horas do meu dia para terem 48 e mesmo assim a coisa não se dá.

Caramba!, de repente já preciso desesperadamente de férias e nem dei conta de aqui chegar. A maternidade é muito linda e faz-nos mudar em imensa coisa. Só podia era fazer com que as mudanças aguentassem mais um tempinho...
Ocorreu um erro neste dispositivo